16 de abril de 2021

Virtual Challenge eSports

O seu desafio no Automobilismo Virtual é aqui!

Regulamento – eSports Endurance Bandsports

1 – Introdução


Seja bem-vindo ao eSports Endurance Bandsports, um campeonato multiclasses e com oito etapas organizado pela Virtual Challenge e-Sports e transmitido nas redes sociais do Bandsports. O simulador utilizado será o iRacing, com inscrições abertas a todos os pilotos e equipes ativos no simulador. Mínimo de 25 carros inscritos para termos uma premiação superior a de R$ 5.000,00!

2 – Respeito às Regras

Para um bom campeonato o conhecimento e respeito às regras é de fundamental importância. É dever do participante saber as regras do simulador e respeitá-las, bem como as regras específicas da organização desse campeonato. Abaixo segue as regras em linhas gerais. Qualquer item desse regulamento poderá sofrer ajuste e a informação será divulgado aos inscritos via Briefing da etapa ou via e-mail de inscrição.

3 – Configuração de servidor

3.1 – Os servidores serão configurados com as configurações descritas ao longo desse documento e todas as regras impostas pelo simulador.

3.2 – O próprio simulador tem o seu sistema nativo de punição, como passar em cima de cone, jump start, entrada ou saída irregular do pit e etc.. Em nenhuma ocasião, a direção de prova irá revogar uma punição aplicada pelo simulador. É dever do piloto saber todas as regras nativas do simulador.

3.3 – Será utilizada a função “Drive Fair Share” do simulador, sendo obrigatório para cada piloto da equipe obter a quantidade/porcentagem mínima de voltas para participação da etapa.

4 – Conexão

4.1 – É responsabilidade dor do piloto ter uma boa conexão e equipamentos em condições para participar das corridas no campeonato, pilotos que apresentarem problemas de conexão, como ping alto ou baixa qualidade, serão avisados pela moderação que poderá solicitar que o piloto aborte qualquer disputa por posição ou até mesmo se dirija ao box para tentar solucionar o problema. Em caso de ida aos boxes para solucionar o problema, o piloto só deverá voltar à pista após autorização dada pela moderação (deverá ser solicitado por mensagem privada dentro do simulador). Caso o piloto retorne sem autorização ou ignore as solicitações da moderação, poderá ser removido da etapa.

4.2 – Caso o servidor apresente problemas ou instabilidades, com vários pilotos piscando ao mesmo tempo, a bandeira amarela irá ser acionada pela direção de prova.

4.3 – Quando a amarela for acionada durante a corrida, os pilotos deverão reduzir a velocidade de forma segura imediatamente. Durante a bandeira amarela, os pilotos deverão utilizar a ferramenta “Relative”, para controlar a distância para o carro da frente (manter o carro em uma distância de 0,5 a 1 segundo).

4.4 – Caso o problema no servidor persista, a direção de prova tomará às seguintes medidas
Até 30 minutos de corrida – será aberto um novo servidor e a corrida reiniciada, seguindo o grid de largada definido no qualy anterior;
Entre 31 minutos e a metade da prova – a classificação final será mantida com 50% dos pontos
Após a metade da corrida – a classificação final será mantida com 100% dos pontos

5- Carros e categorias
O campeonato será multiclasses e terá três categorias, com sete carros disponíveis.

Confira a listagem abaixo:

Prótotipo – HPD
GT Pro – Ferrari 488 GTE, BMW M8 GTE, Porsche 919 RSR GTE e Ford GT GTE
GT Am – Mercedes GT3 e Audi GT3

OBS: Não é permitido que as equipes troquem de carro ao longo do campeonato.

*Nesse primeiro campeonato, não haverá restrição de iRating por carro/classe.

6 – Calendário
O calendário será composto da seguinte maneira:
31 de agosto – 4 Horas de Silverstone – 14h
28 de setembro – 6 do Japão (Suzuka) – 14h
2 de novembro – 6 Horas de São Paulo Warm-up – 14h
7 de dezembro – 8h de Monza – 14h
25 de janeiro – 6h de São Paulo Oficial – 14h 15 de fevereiro – 6h de Austin – 14h
21 de março – 1000 Milhas de Sebring– 14h
02 de maio – 6h de Spa – 14h
6 de junho – 24h de Le Mans – 11h

OBS: por questão de ser uma prova no Brasil e mobilizar a comunidade do automobilismo real e virtual, em conversas com o Bandsports, optou-se por fazer duas corridas utilizando Interlagos no campeonato, sendo que a edição que será realizada no dia 25 de janeiro de 2020, aniversário de São Paulo, terá pontuação especial

7 – Formação das equipes
O campeonato será disputado por equipes e, portanto, a classificação será por cada carro;

A cada carro inscrito, um capitão será o responsável  por este carro;

Este capitão vai dar o nome da equipe, escolher o carro e deverá disputar todas as etapas com essas configurações (Exemplo: Ayrton Senna é o capitão do HPD da McLaren HPD 1, portanto ele deverá correr com esse carro e nessa equipe todas as etapas do campeonato); Caso o capitão não possa correr, ele pode nomear um outro piloto em seu lugar, ele só não pode correr em outro time;.

Com exceção do capitão, as equipes poderão alterar suas formações entre as etapas, conforme lhe convir. Como o campeonato é longo, entendemos que existem diversas situações e nuances, as alterações na formação das equipes deixará a competição mais atrativa, mais competitiva e com mais carros no grid;

Cada carro poderá ser formado por duplas ou trios;

Cada pilotos e equipe são responsáveis por se registrar corretamente para a competição – a organização disponibilizará um tutorial em vídeo para que esses problemas não ocorram e a equipe corra desfalcada;

Como criar a equipe: https://www.youtube.com/watch?v=AiZyzwYrSXo

Como entrar no servidor de corrida: https://www.youtube.com/watch?v=qKpOSg0MHSg

Todos os carros deverão seguir o padrão do template disponível para os carros, respeitando às propriedades que são dos campeonatos. Haverá em cada template também uma sinalização de qual categoria o carro fará parte; Lembrando que pode-se ter alterações desses patrocinadores ao longo do campeonato;

8 – Restrições Pinturas
Estão proibidos os seguintes tipos de patrocínios e exposição de marcas, seja no carro, macacão ou capacete:
Qualquer veículo de mídia que não for do Grupo Bandeirantes ou parceiro do Virtual Challenge;
Propaganda de cigarro;
Política;
Conteúdo sexual;
Bebidas alcoólicas, medicamentos, grupos farmacêuticos e casas de apostas somente mediante à aprovação;

*IMPORTANTE: ao se inscrever para o campeonato e correr às etapas, as equipes e pilotos estão de acordo que são responsáveis pelo uso das marcas estampadas em seus carros e que a organização – Virtual Challenge e Bandsports – estão eximidas de culpa em caso de uso indevido ou não autorizado destas marcas.

9 – Inscrição
A inscrição para o campeonato será de R$ 299 por carro, que dará direito a disputar todas as oito etapas, com transmissão por meio das redes sociais do Bandsports.

As inscrições serão limitadas a 45 carros no campeonato, com a possibilidade de aumentar esse número nas 24 Horas de Le Mans.

OBS: o pagamento das inscrições poderá ser feito via Mercado Pago, com a possibilidade de parcelamento neste modo de compra em até 12x;

10 – Premiação
Atingindo o número de 25 inscritos, a premiação para cada categoria ao final do campeonato será a seguinte:

Campeão – R$ 900,00
Vice-campeão – 450,00
3º lugar – 300,00

Se superarmos o número de 40 inscritos, também haverá troféus para os três primeiros do campeonato.

*poderemos ter prêmios especiais por etapa a ser definido por patrocinadores, sem custo adicional aos inscritos

11 – Quaificação

11.1 – Duração: 10 Minutos

11.2 – Cada piloto terá o direito a realizar duas voltas rápidas, dentro do prazo de 10 minutos.

12 – Largada

12.1 – Sempre em fila dupla e indiana, a primeira fila só deverá acelerar, quando o sinal de bandeira verde ser acionado. Quem não estiver na primeira fila, esperar o carro da frente acelerar. (Essa definição poderá ser mudada de acordo com a pista, será declarado em Briefing a mudança)
12.2 – A distância entre as classes deve ser entre 8 e 10 segundos antes da largada. Deve-se respeitar às distâncias até a linha de chegada;

12.4 – Proibido trocar de linha (sair da linha interna e ir para externa ou vice-versa, criar uma terceira linha na parte interna, externa ou no meio iniciando uma ultrapassagem).

12.5 – Respeitar a distância máxima de 0.3 para o carro da frente na volta de largada.

12.6 – Os pilotos que optarem ou forem penalizados em largarem dos boxes/pit lane, deverão aguardar o recebimento da autorização da Direção de Provas para irem à pista.

13 – Procedimentos no Pit
13.1 – Entrada e saída por onde o simulador permitir.
13.2 – Os pilotos deverão utilizar a linha do meio ou a externa dentro do pit, entrar para a área do “ghost” apenas 4 pits antes do seu lugar.

13.3 – Não reduzir a velocidade bruscamente no meio do pit ao perceber que está passando do seu espaço de parar.

14 – Regras para as corridas

A direção das corridas será ativa e em tempo real. Para os casos em que não seja possível essa prática devido a problemas técnicos, será avisado aos pilotos, equipes e espectadores que excepcionalmente para a etapa, haverá apenas moderação pós-corrida. Segue abaixo a relação de infrações com uma breve explicação/exemplos que poderão ser analisadas pela direção de provas:

14.1 – Utilizar sinalização de maneira desnecessária – Quando um piloto utiliza faróis ou buzina durante a etapa;

14.2 – Cut-track/Off-track – Quando um piloto sai da pista, intencionalmente ou não, podendo obter vantagem e/ou causar desvantagem a outros;

14.3 – Forçar outro carro para fora da pista – Quando um piloto faz com que o adversário tenha que usar áreas fora da pista para evitar colisões ou em disputa de posição;

14.4 – Causar Colisão – Quando um piloto causa colisão com um ou mais pilotos independentemente de ocorrência ou não de danos para o veículo ou perda de tempo;

14.5 – Bloqueio – Situação em que o piloto durante uma disputa de posição muda sua trajetória mais de uma vez ou após seu adversário para impedir/dificultar uma possível ultrapassagem. Ainda se encaixam nesta condição, as mudanças de trajetória durante a frenagem;

14.6 – Pilotagem perigosa – Quando o piloto adota condura perigosa podendo colocar em risco os adversários na pista. Exemplos: pilotar com o carro danificado em velocidade incompatível com os demais, retorno perigoso à pista após saída da mesma, etc;

14.7 – Ignorar bandeira azul – Quando o piloto que está prestes a receber volta dos líderes e/ou carros mais rápidos acaba por dificultar essa ultrapassagem;

14.8 – Causar colisão quando retardatário – Quando um piloto causa colisão com os líderes e/ou carros mais rápidos quando está em posição de retardatário;

14.9 – Utilização indevida de chat (texto ou voz) – Qualquer utilização desta ferramenta (em modo privado ou não) que não seja para alertar sobre situações de corrida ou para responder a questionamentos da direção de prova;

14.10 – Manobra antidesportiva – Situação onde o piloto intencionalmente atinge ou tenta atingir seu adversário de maneira proposital;

14.11 – Ofensas através de qualquer meio – Trocas de xingamentos, provocações ou qualquer mensagem que possa denegrir a imagem de outros realizadas por qualquer meio de comunicação como chats, mídias sociais, etc…

14.12 – Caso alguma penalização não possa ser paga em pista devido a abandono, a mesma poderá ser convertida em suspensão do direito de fazer qualificação e/ou largada dos boxes. Caso seja a última do campeonato, poderá ocorrer a desclassificação.

14.13 – Equipe que tomar dois DQ na temporada será suspensa da etapa seguinte. Se for a última etapa a mesma ficará suspenso da primeira corrida da temporada seguinte.

14.14 – Equipe que se desejar abrir protesto fazer através do link abaixo:
https://goo.gl/forms/Jun6X98DjLJmyZWC3

14.15 – O prazo para envio será de até 6 (seis) horas após término da etapa. Após esse prazo não será feito análise.

14.16 – A análise da moderação será feita em até 48 horas e respondida por e-mail as equipes envolvidas.

14.17 – Equipe considerada culpada em um acidente mediante protesto, a punição pós corrida poderá ser de acréscimo de tempo considerando a punição equivalente em pista e perda de direito de fazer qualy e/ou largar dos boxes na etapa seguinte. Caso for última etapa, a equipe tomará DQ (0 pontos) da mesma.

14.18 – Prezando sempre pelo bom andamento dos eventos, as situações não previstas acima, poderão ser analisadas pela Direção de Provas caso seja conveniente. Ressaltamos que o Briefing poderá definir procedimentos adicionais ou excepcionais para a etapa, sendo necessário o seguimento do estabelecido sob pena de penalizações.

15 – Penalizações

A Direção de Provas aplicará as penalidades que considerar conveniente de acordo com o nível (danos, perda de tempo, etc.) da infração. Serão elas:

Advertência

Drive Through/Stop and Go 1s ou End of Line

Stop and Go 10s

Stop and Go 30s

Stop and Go 60s

Desqualificação

15.1 – Caso o carro/equipe receba a segunda penalização pelo mesmo motivo durante o evento, essa penalização será potencializada u nível acima. Exemplo: Segundo Drive Through será convertido em Stop and Go 10s

15 Número de incidentes
Cada corrida terá um limite diferente de incidentes permitidos. Após superar esses limites, haverá desclassificação:
Corridas de 4h – 45x
Corridas de 6h – 65x
Corridas de 8h e Mil Milhas de Sebring – 80x
Corridas de 24h – 240x

16- Pontuação

Será considerado o resultado apresentado na página de Results do simulador.

1 Ponto para Pole Position de Cada Classe

Corridas de 4 e 6 horas
1º – 25 pontos
2º -18
3º – 15
4º – 12
5º – 10
6º – 8
7º – 6
8º – 4
9º – 2
10º – 1
0,5 ponto será dado a cada carro após o 10º que completar a corrida, cruzando a linha de chegada

Corridas de 8h e Sebring
1º – 32 pontos
2º – 23
3º – 19
4º – 15
5º – 13
6º – 10
7º – 8
8º – 5
9º – 3
10º – 2
1 ponto para cada carro após o 10º colocado que terminar a corrida, cruzando a linha de chegada.

24 Horas de Le Mans e 6 Horas de SP (25 de Janeiro)
1º – 38 pontos
2º – 27
3º – 23
4º – 18
5º – 15
6º – 12
7º – 9
8º – 6
9º – 3
10º – 2
1 ponto para cada carro após o 10º colocado que terminar a corrida, cruzando a linha de chegada.

17 – Programação prévia das corridas
Horários:
13:00 – Briefing
13:30 – Warm-up
14:00 – Qualify
14:10 – Largada

18 – Configurações Servidor

18.1 Horários de largada no simulador
Silverstone – 1º de setembro, 8h
Suzuka – 6 de outubro, 11h
Interlagos – Warm-Up – 9º de novembro, 11h
Monza – 14 de dezembro, 14h
Interlagos – 1º de fevereiro, 11h Austin – 23 de Fevereiro, 12h
Sebring – 20 de março, 16h
Spa – 2 de maio, 11h
Le Mans – 13 de junho, 15h

18.2 Clima e céus Dinâmicos

18.3 Setup Open

Qualquer alteração será comunicada no site e redes sociais da Virtual Challenge com 15 dias de antecedência no máximo.

Dúvidas e sugestões: contato@vcesports.com.br

Bom divertimento a todos!