30 de setembro de 2020

Virtual Challenge eSports

O seu desafio no Automobilismo Virtual é aqui!

Thiago Vieira vence em Daytona em dia de título de Nóbrega

Reveja a corrida aqui

Daytona recebeu a última etapa da temporada regular da Virtual Challenge Cup Series e definiu os 16 classificados para a fase decisiva da competição virtual, disputada no simulador iRacing. A corrida de 80 voltas teve, de certa forma, um enredo mais previsível do que se esperava, mas ainda assim cheio de emoção.

Estavam em jogo três vagas para o chase, bem como o título da temporada regular. Rafael Hubie, Renato Tamburini e Alysson Pereira, assim como J.C. Nóbrega pelo campeonato por pontos, eram os que estavam em melhores condições para os feitos. J.C. tinha Marcos Bicca, apoiado pela equipe Interlagos, como concorrente, enquanto os postulantes pelas vagas nos playoffs tinham outros 21 concorrentes.

O título da temporada regular foi definido logo no início da corrida, após uma relargada no princípio do estágio final. Um Big One acabou tirando Marcos Bicca da prova e deixou o caminho livre para Nóbrega ficar com o troféu e os R$ 500,00 de premiação.

Já as vagas nos playoffs, o suspense foi maior. Pouco após o Big One que vitimou Bicca e outra dezena de pilotos, Tamburini teve um estouro no motor e cabia a ele torcer contra Alysson e os demais concorrentes sem vitórias no playoff. Mais para o final da corrida, Alysson acabou envolvido em um acidente, aliviando a tensão de Tamburini, enquanto ele torcia para um piloto já classificado para o chase vencer.

Com esses acidentes, Hubie já garantia a vaga dele aos playoffs e começou a lutar pela vitória – que lhe renderia pontos para a fase final da competição. Em um final apertado, Thiago Vieira venceu pela segunda vez na competição, superando Laercio Leite, que iria ao chase em caso de vitória. Não somente Vieira comemorou, mas também Tamburini e Alysson, que se garantiram entre os 16.

“A ideia da EG Racing era trabalhar para o Yurem Rubens, que precisava da vitória para ir aos playoffs, mas ele se envolveu em acidentes e ficou de fora. Então fui buscar o melhor resultado possível. Daytona é imprevisível, mas acabou dando tudo certo e consegui vencer e ir embalado ao chase”, comentou Vieira.

Laercio não escondeu a frustração por ter ficado fora dos playoffs. “Agora que a corrida acabou, mesmo com um bom resultado, vem um gosto amargo por ficar fora do chase”, revelou.

O pódio da corrida foi completo por J.C. Nóbrega, campeão da temporada regular, que comentou o quanto era a sua meta esse título. “Eu coloquei muita expectativa nesse título e no da Throwback. Nessa semana vou abrir uma segunda loja e isso vai fazer eu trabalhar mais e treinar menos, então fui buscar aquilo que era possível. Não estou desistindo do campeonato, mas agora a rotina vai ser mais puxada”, destacou.

Hubie chegou em quarto, à frente de Michel Battiston e Carlos Guimaraes. Miguel Paludo conseguiu a sétima colocação, superando Leandro Moreira, Danilo Coelho e Romar Arns, que fecharam o top 10.

Os 16 classificados para os playoffs foram: .C. Nóbrega, campeão da temporada regular, Gabriel Maurício, Romar Arns, Alex Montoanelli, Thiago Vieira, Marcelo Fernandes, Michel Battiston, Carlos Maciel, Rafael Trindade, Miguel Paludo, Renan Scarabelli, Rafael Hubie, Lucas Abreu, Marcos Bicca, Renato Tamburini e Alysson Pereira.

Os playoffs começam já nesta segunda-feira (7), com as 500 Milhas de Darlington, que começa mais cedo, às 20h. O campeonato é um oferecimento de Outback Steakhouse, ITS3, GTConcept e F1Mania.