Vencedores em Suzuka também levam as 6h de Sampa – Warm-up

O eSports Endurance Bandsports chegou a sua terceira etapa em Interlagos e as 6h de Sampa Warm-Up ratificou os vencedores da corrida anterior, as 6h do Japão. Assim como ‘do outro lado do mundo’, Nacional Academia de Pilotos, Clube do Volante e Energy Virtual Racing repetiram suas vitórias e são líderes, respectivamente, nas categorias Protótipo, GT-Pro e GT-Am.

Protótipo
Sem poder fazer qualy, a Nacional Academia de Pilotos largou do fundo do grid na categoria e viu o começo de prova ter o protagonismo da Track & Friends e Sub Racing, que tinha em seus bólidos Cris Pereira e João di Gregório. Em um ritmo muito forte, com somente 15 minutos de prova já estavam dando voltas em retardatários.

Porém, uma das chaves no Endurance é manter o equipamento inteiro durante todo o tempo de prova e as duas equipes acabaram se enroscando pelo caminho – tanto entre eles, como com outros carros. Mantendo o carro em ordem e constância de voltas, Luizinho Gonzaga e Suellio Almeida não tiveram muita dificuldades após assumir a primeira colocação – mesmo diante das altas temperaturas na pista, que chegaram a 59ºC.

A Sub Racing ainda conseguiu o segundo lugar, enquanto a Track & Friends #269 tiveram problemas e abandonaram a prova. O pódio foi completo pelo Epic Team, até então líder do campeonato.

GT-Pro
Tudo indicava que seria mais um duelo entre Clube do Volante e Escuderia Sul-Brasil. Assim foi até perto de duas horas de prova, quando o time da ESB encontrou um retardatário pelo caminho e abandonou a disputa. Porém, o caminho não foi tão livre para Erick Goldner e Marcos Furriel. A FuelTech, com Daniel Modolon e Ramon Fonseca, tentaram mudar os rumos da corrida na base da estratégia.

Chegaram a incomodar os líderes do campeonato, mas o ritmo forte da dupla Goldner e Furriel fez com que Clube do Volante chegasse à segunda vitória em três etapa, deixando a Fueltech com a segunda posição e alcançando o melhor resultado no campeonato.

O pódio foi completo pelo Corinthians Rally Team, após uma disputa interessante com a L1 eSports. No final da corrida, houve uma alternância de posições, mas após Felipe Ciaramello ter sido vítima em um enrosco no miolo do circuito, Jessé Alves se aproveitou para pegar o último lugar no pódio.

GT-Am
O final do enredo se repetiu. É o mesmo em todas as etapas do campeonato. Com uma atuação exuberante, Energy Virtual Racing permanece invicta na competição. Desta vez, o início foi diferente, já que precisaram pagar uma punição. Saindo lá de trás, repetiram o que tem feito no eSports Endurance Bandsports até aqui: ritmo forte, constante e estratégia impecável. Logo estavam na liderança e de lá não saíram mais.

Diante deste forte ritmo, restou a disputa pelos outros dois lugares no pódio. A BRB eSports foi protagonista nessa disputa, mas não resistiu à F1APS, do recordista mundial em diversas pistas com a Mercedes, Kilmany Almeida, e à Racing 4Fun, que veio com o trio Rafael Trindade, Kaio Moraes e Marcelo Silveira.

A quarta etapa do eSports Endurance Bandsports está marcada para o próximo dia 7 de dezembro. Será a desafiadora 8h de Monza.   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *