30 de setembro de 2020

Virtual Challenge eSports

O seu desafio no Automobilismo Virtual é aqui!

Romar Arns supera incidentes no início para vencer a 2ª na VC Cup Series

A etapa de New Hampshire, a 21ª da Virtual Challenge Cup Series, foi repleta de alternâncias, disputas, confusões e uma chegada completamente aberta. Melhor para Romar Arns, piloto da Escuderia Sul-Brasil, que não vencia desde a quinta etapa do campeonato.

A vitória não veio fácil para o piloto do carro #25, que foi abalroado por três vezes no início da corrida de maneira leve, sempre voltando para o final do pelotão. Naquele momento, se alguém apostasse em uma vitória da Sul-Brasil, Renato Tamburini seria o nome, afinal, liderou todas as voltas do primeiro estágio.

Porém, com a bandeira de estágio, Tamburini ficou na pista e, assim como os demais pilotos que tomaram esta decisão, passou a ter problemas com os pneus, perdendo muito rendimento. Na amarela subsequente, acabou ficando mais atrás no pelotão e a ter problemas em recuperar posições.

Rafael Hubie, vencedor em Daytona, mas que está fora da classificação para os playoffs por não estar entre os 30 do campeonato, vinha liderando a corrida e parecia que se colocaria entre os postulantes ao título, mas comentou um equívoco fatal – para ele e muitos pilotos. Em uma relargada, ao invés de jogar a terceira marcha, colocou a primeira e acabou rodando na reta principal, o que ocasionou um grande acidente, no qual poucos passaram ilesos.

A primeira fila para a decisão ficou entre JC Nóbrega e Romar Arns, ex-companheiros de equipe. Nóbrega teve um problema em seu equipamento, chegou a ficar com o carro parado na pista. Aproveitando desse momento de tensão, Romar fez o movimento certo, saltou na frente e conquistou a segunda vitória na temporada.

“Eu não fiquei bravo (com os incidentes no início da corrida), eu fiquei triste. Vitórias são vitórias, corridas são corridas. Fico feliz por mais um triunfo, eu estava precisando, mas chateado pelo Tamburini, que estava voando nessa pista e merecia a conquista para ir ao chase”, declarou o vencedor.

JC Nóbrega cruzou na segunda colocação e comentou sobre o incidente que teve em pista. “Meu volante e o pedal simplesmente bugaram, meu carro parou de repente no meio do circuito. Sou da e-Drivers, que tem o patrocínio da ITS3, mas ainda não estou com o volante deles. Tenho certeza que isso não aconteceria se estivesse com o equipamento, que é fera demais”, comentou JC, que segue na liderança da temporada regular.

A terceira colocação ficou com Leonardo Barcellos, que fez uma corrida discreta no início, mas conseguiu atacar no final para chegar ao pódio. “Eu tive um acidente no meio da corrida, então optei por reparar o carro e esperar ter condições no final. Consegui escapar do grande enrosco que teve na corrida, com isso tive a oportunidade de brigar por esse P3”, falou.

Luis Bezerra conseguiu a quarta colocação, chegando à frente de Marcos Bicca, que está praticamente classificado para os playoffs mesmo sem vitórias. Edgar Montelo e Jean Kepler – que volta à zona dos playoffs – vieram em seguida, à frente de Raul Saraiva, Carlos Maciel e Laercio Leite.

A Virtual Challenge Cup Series volta no próximo dia 10 de agosto, com a 22ª etapa da temporada, que será no oval de Michigan. O campeonato é um oferecimento de F1Mania, Outback Steakhouse, Doce Paladar Fit, ITS3, GTConcept e Diecast & Collectables Miniaturas.